Portal do Governo Brasileiro

OK

29/04/2010
Polícia Federal, CGU e Ministério Público fazem operação contra desvios no Ceará

A Polícia Federal, com apoio da Controladoria-Geral da União (CGU) e participação do Ministério Público Estadual, deflagrou na manhã de hoje (29/4) a Operação Gárgula II, com o objetivo de colher novos elementos para a instrução de investigações que visam desarticular quadrilhas especializadas em desvio de verbas públicas, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

A Operação Gárgula II é continuidade das Operações Gárgula, deflagrada em dezembro de 2008, e Província, deflagrada em março de 2010. Essas investigações constataram o envolvimento de empresas e escritórios em esquemas de desvio de verbas públicas federais e estaduais repassadas a prefeituras do Estado do Ceará. As principais irregularidades dizem respeito a fraudes em licitações, obras inacabadas, serviços pagos e não executados, sobrepreço e superfaturamento.

Hoje está previsto o cumprimento de seis mandados de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal, abrangendo as residências dos investigados, empresas e onze prefeituras municipais. A execução das ordens judiciais envolve um efetivo de 85 policiais federais e 15 servidores da CGU, além da participação de promotores do Ministério Público Estadual.

Investigações preliminares indicam diversas irregularidades na execução de convênios entre as prefeituras e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e o Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (Dnocs). Os investigados poderão responder por desvio de verbas públicas, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

 

Assessoria de Comunicação Social
Controladoria-Geral da União

voltar para o menu acessível